Celebridades

Manu Gavassi fala sobre a oportunidade de trabalhar com Titi

15 Dez 2021 - 11h10 | Atulizado em 15 Dez 2021 - 11h10
Manu Gavassi fala sobre a oportunidade de trabalhar com Titi

Manu Gavassi conseguiu sentir que realmente estava fazendo um bom trabalho como diretora quando recebeu Titi, filha de Giovanna Ewbank e Bruno Gagliasso, em seu set de gravações para seu álbum visual Gracinha. Manu conta que dirigir uma menina de oito anos foi o seu maior desafio nessa função.

“Conheci a Titi há uns 4 anos em Noronha. A gente se deu super bem. As crianças olham para mim de igual para igual. Parece que eu sou a grande amiga das crianças que são um pouquinho mais altas que eu (risos). Ela sentia que nós éramos amigas da mesma idade e sempre falou para a Giovanna: ‘Quero brincar com a minha amiga Manu’. Fiquei com essa ideia de chamar a Titi para o clipe em que ela seria uma menina diretora, que ia brincar com bichinhos de pelúcia dela com uma câmera na mão, gravando tudo. Eu nunca contei minha ideia para Giovanna. Entrei para o BBB, passou um ano e eu tive a ideia de Gracinha. Enviei para a Giovanna a ideia e ela chorou. Ela disse que se fosse para Titi começar a carreira de atriz de algum jeito, o que é tão complicado para crianças, seria melhor que fosse comigo. Fiquei muito feliz. Foi a prova da confiança da Giovanna e Bruno, que sempre acreditaram no meu potencial”, conta a artista.


Titi (Foto: Reprodução/Instagram)


A sintonia das duas no set deu muito certo. “A Titi veio gravar e pela primeira vez me senti diretora porque estava ali controlando um set e a energia daquele set para que aquela criança ficasse 100% confortável e entendesse que atuar é legal. É um trabalho que tem que ter muito respeito, mas também é uma brincadeira. Foi muito gostoso tanto para mim quanto para ela. Espero que ela se lembre deste momento com muito carinho”, afirma Manu.

A canção em que a Titi foi a atriz principal, foi a do vídeo Catarina, música composta por Manu especialmente para sua irmã mais nova. Manu diz que a decisão de colocar a música no álbum foi extremamente arriscada.

https://inmagazine.ig.com.br/post/Billie-Eilish-revela-Teria-morrido-de-Covid-19-se-nao-tivesse-sido-vacinada

https://inmagazine.ig.com.br/post/Kim-Kardashian-fala-sobre-acusacao-de-apropriacao-cultural-por-trancar-os-cabelos

https://inmagazine.ig.com.br/post/Marcos-Oliveira-o-Beicola-de-A-Grande-Familia-segue-internado-no-Rio

Escrevi para minha irmã que se chama Catarina. A principio a música não ia entrar no álbum. Era um presente de aniversário. Fiz a música em 15 minutos enquanto brincava com acordes na guitarra. Gravei no celular a musica e lhe enviei no dia do aniversário. Ela me ligou chorando e disse que eu tinha acabado com o dia dela porque ela não parava mais de chorar (risos). Realmente a música ficou bonitinha. Entendi que era sobre o maior amor do mundo, o meu primeiro amor. Minha irmã é minha parceira para toda a vida, a pessoa que mais me conhece.. Quando penso nisso, falo ‘Caraca! É a música de amor mais verdadeiro que escrevi na minha vida’. Apesar disso, a música não tinha nada a ver com o álbum, mas decidi colocá-la porque era verdadeira e eu estava fazendo mesmo algo diferente nesse projeto”, explica Manu.

 

Foto destaque: Reprodução/Instagram