Money

Meta começa a fazer investimentos em NFTs e criptomoedas

29 Mar 2022 - 16h55 | Atulizado em 29 Mar 2022 - 16h55
Meta começa a fazer investimentos em NFTs e criptomoedas

A nova dona do Facebook, Meta, começou esse ano com um grande investimento em criptomoedas e NFTs. A empresa partiu de ícones e está incluindo também nesse processo, logos que estão relacionados à empresa. Os dados foram tirados do Departamento de Patente e Marca Registrada dos EUA.

A movimentação de patentes dos ativos virtuais tem se tornado algo cada vez mais normal na década atual. Um exemplo disso foi novembro do ano passado, a Nike solicitou um registro de patente para uso próprio. Segundo o Escritório de Marcas e Patentes dos EUA, a Nike está protegendo sua marca na categoria que recebe o nome de "bens virtuais para download". Foram solicitados objetos como mochilas, bolsas, óculos e bonés das marcas Nike, Jordan e também do slogan Just do It.



A ação da Meta tem reflexo direto na estratégia da empresa de ampliar os ativos com relação ao metaverso. Entre eles, NFTs, Mark Zuckerberg, em Austin, no Texas, participou do festival de inovação, o SXSW, que ocorreu na semana passada. Lá, o empresário afirmou que em breve os tokens não fungíveis chegarão ao NFT.

NFT é um novo tipo de sistema de vendas que está tomando o mercado mundial. Esse novo mercado começou com jogos, uma aposta de P2E(play to earn, traduzindo jogue para ganhar), mas logo escalou rapidamente nas opções virtuais de investimentos, agora, além de jogos, imagens, vídeos e até músicas podem ser considerados NFTs. E não se engane, mesmo parecendo algo banal, os NFTs lucraram milhões no pouco tempo em que chegaram.

Já a Meta, é uma nova empresa dona Facebook. Ela agora controla todos as empresas do Facebook, como o Instagram e Whatsapp. Ela vem com uma proposta de criar uma realidade virtual avançada, a onde todos poderiam vivenciar uma experiência totalmente online para os seus usuários.

 

Foto em destaque: TecMundo. (Reprodução/internet)