Notícias

Moedas e notas do Reino Unido serão substituídas após morte da rainha Elizabeth II

08 Set 2022 - 20h00 | Atulizado em 08 Set 2022 - 20h00
Moedas e notas do Reino Unido serão substituídas após morte da rainha Elizabeth II

Com a morte da rainha da Inglaterra, nesta quinta-feira (8), as moedas e notas do Reino Unido passarão por mudanças. O rosto conhecido de Elizabeth II será substituído pelo de seu filho e herdeiro, o rei Charles III.

Não será somente o Reino Unido que sofrerá as mudanças nas libras esterlinas: Canadá, Austrália e Nova Zelândia também precisarão atualizar seu dinheiro. Isto ocorre porque os países pertencem à Comunidade das Nações, organização composta por 53 países que faziam parte do Império Britânico. Muitos governos mantiveram Elizabeth II nas cédulas, apesar de não ser obrigatório. As moedas e notas atuais continuarão em circulação até o final da transição.



Outra mudança parecida acontecerá nos selos, que também carregam o rosto da rainha e precisarão ser substituídos em breve. Passaportes e uniformes policiais e militares britânicos serão alterados. O hino nacional britânico é outro elemento que muda com o falecimento da monarca: A letra "God Save the Queen" ("Deus Salve a Rainha") passa para "God Save the King" ("Deus Salve o Rei").

Elizabeth II morreu aos 96 anos e o anúncio de sua morte ocorreu através das redes sociais da família real. A rainha estava sob supervisão médica no Castelo de Balmoral, na Escócia, após os médicos expressarem preocupação com sua saúde. Horas depois, a morte foi confirmada através de uma declaração da Casa Real Britânica: “A Rainha morreu pacificamente em Balmoral esta tarde. O rei e a rainha consorte permanecerão em Balmoral esta noite e retornarão a Londres amanhã“.

A monarca comandou o trono britânico por 70 anos e foi a segunda a permanecer no cargo por mais tempo - o primeiro foi Luís XIV, de 1643 até 1715. 

 

Foto destaque: Pixabay