Esportes

Nikão marca golaço e Athletico é campeão da copa Sul-americana

20 Nov 2021 - 19h19 | Atulizado em 20 Nov 2021 - 19h19
Nikão marca golaço e Athletico é campeão da copa Sul-americana

Hoje (20) foi realizada a final da copa Sul-americana entre o Club Atlhetico Paranaense e Red Bull Bragantino no tradicional estádio Centenário, no Uruguai. O time do Paraná buscava seu segundo título continental após 3 anos da vitória contra o Junior Barranquilla. Já o Red Bull Bragantino vinha em busca de seu primeiro título continental e de grande expressão. Apesar da grande campanha o time paulista não conseguiu mostrar o mesmo futebol que veio apresentando ao longo da competição e acabou ficando com o vice campeonato, já o campeão Athetico Paranaense além de conquistar a Sul-americana ainda tem a possibilidade de conquistar a Copa do Brasil que será desputada contra Atlético Mineiro. 



Resumo do jogo: 

O primeiro tempo foi de muito equilíbrio entre as duas equipes, ambas esperavam e estudavam o adversário sem se expor, o que estava dando muito certo para o Bragantino já que controlava a bola e evitava que o adversário conseguisse ataca-lo, mas isso começou a mudar por volta dos 20 minutos, quando o time do Athletico começou a achar mais espaços e chegar ao ataque, principalmente com Terans e não demorou para que o marcador fosse aberto, aos 28 após levantamento na área, Terans chutou cruzado e no rebote de Cleiton, Nikão emendou um belo voleio e colocou o Athetico com uma mão na taça. Com a vantagem no placar o time de Curitiba preferiu continuar sem se arriscar e se manteve fechado e se defendendo bem.  

https://inmagazine.ig.com.br/post/Serie-A-tem-sete-clubes-que-incluem-clausulas-antirracistas-em-contratos-de-funcionarios-e-jogadores

https://inmagazine.ig.com.br/post/No-Catar-Hamilton-usa-capacete-com-as-cores-do-arco-iris-em-apoio-a-causa-LGBTQI

https://inmagazine.ig.com.br/post/Ex-jogador-do-Barcelona-Eric-Abidal-e-suspeito-de-ter-participacao-no-ataque-a-Kheira-Hamraoui

 No segundo tempo os dois times jogaram da mesma forma, e mesmo controlando o balo por maior parte do jogo e o time paulista seguia sem inspiração e sem conseguir levar grande perigo ao goleiro Santos, e isso se manteve até o final do jogo o que garantiu o título continental ao Athletico Paranaense. 

 

Foto Destaque : Reprodução/Gustavo Oliveira/Athletico