Celebridades

Patrícia Poeta revela que sofreu assédio em sua adolescência

13 Out 2021 - 19h50 | Atulizado em 13 Out 2021 - 19h50
Patrícia Poeta revela que sofreu assédio em sua adolescência

Nesta quarta-feira (13), durante a apresentação do programa ‘Encontro’, da TV Globo, a apresentadora Patrícia Poeta, que está substituindo Fátima Bernardes, afastada para realizar uma cirurgia no ombro, revelou um triste episódio em sua vida, contando que foi vítima de assédio na adolescência.

 

A jornalista fez a revelação pessoal após ouvir a história de Eduarda, de 20 anos, vítima de uma tentativa de estupro em um veículo de aplicativo. A jovem precisou pular do carro em movimento para escapar do criminoso. O caso aconteceu no município de Canoas, no Rio Grande do Sul.

 

https://inmagazine.com.br/post/Katy-Perry-sera-apresentadora-do-The-Ellen-DeGeneres-Show

 

https://inmagazine.com.br/post/Anitta-marca-presenca-na-festa-de-aniversario-da-Rapper-Cardi-B

 

https://inmagazine.com.br/post/As-vesperas-de-Verdades-Secretas-II-veja-quem-sao-as-modelos-estreantes

 

“Essa é uma preocupação nossa, de muitas mulheres que é quando bate aquele sentimento de medo, sabe? Medo de ser uma possível vítima de abuso, importunação sexual, assédio e isso pode acontecer em qualquer lugar, em qualquer hora”, disse Patrícia. Que logo após mencionou sua experiência.

 

"Me coloco no lugar dela, porque quando era adolescente também fui vítima de uma tentativa dessa. Lembro até hoje, tenho trauma disso até hoje porque não consegui sequer falar para pedir ajuda", finalizou a apresentadora.


Após contar seu caso na internet, Eduarda deu entrevista no programa ‘Encontro’. (Foto:Reprodução/TV Globo)


 

Eduarda contou que o motorista ofereceu um produto para limpar a tela de seu aparelho celular e também do óculos. “Eu não dei muita bola, ele pingou um negocinho no pano e eu passei no celular. Depois ele falou: 'Sente o cheirinho, é um cheirinho muito bom'. Eu falei que não tinha sentido e ele pegou o pano de volta, pingou bem mais líquido e passou para trás, pedindo para eu cheirar”.

 

Mesmo de máscara, a jovem ficou tonta e com a sua visão turva. O condutor, então, falou para ela tirar a máscara. Eduarda se negou e tentou sair do veículo, mas as portas já estavam trancadas. Ela contou que conseguiu destrancar a porta e pulou com o carro em movimento, e que foi ajudada por caminhoneiros que estavam próximos ao local.

 

Um boletim de ocorrência foi feito e a polícia ainda investiga o ocorrido.

 

Foto Destaque: Patrícia Poeta comentou o caso ao vivo. Reprodução/TV Globo