Esportes

Paulinho, ex-Vasco, rebate crítica de jornal alemão após postar vídeo em rede social

12 Set 2022 - 14h52 | Atulizado em 12 Set 2022 - 14h52
Paulinho, ex-Vasco, rebate crítica de jornal alemão após postar vídeo em rede social

O atacante Paulinho, ex-jogador do Vasco, virou alvo da imprensa alemã depois de ter postado um vídeo em suas redes sociais. Após tentar forçar uma saída de seu clube atual, o Bayer Leverkusen, o brasileiro quase não tem mais entrado em campo pelo time. Dos últimos oito jogos disputados, Paulinho só jogou dois.

No intervalo do jogo contra o Hertha Berlim, pela Bundesliga, no último sábado (10), o atacante postou um vídeo onde fazia exercícios físicos. O jogo que estava empatado em 0x0, terminou com o placar 2 a 2.


Paulinho posta video fazendo exercícios físicos (Reprodução/Twitter)


O jornal “Bild” viu o vídeo como uma provocação ao time alemão, e publicou uma nota afirmando que "Paulinho provoca fazendo musculação em pleno intervalo". O jogador, campeão olímpico pelo Brasil, rebateu o jornal, afirmando que não jogava por decisão política do clube.


Paulinho rebate matéria de jornal alemão (Reprodução/Twitter)


Provocação? Sempre treinei duas horas desde que cheguei e não vou deixar de me preparar. A decisão POLÍTICA e não esportiva de não estar no jogo não é problema meu. O Bayer teve a opção de me trocar por direitos financeiros e optou por me manter aqui e pagar meu salário. Vou preparar e apoiar meus companheiros de equipe como sempre” escreveu Paulinho em sua rede social.

O técnico do time alemão, Gerardo Seoane, não quis entrar em detalhes quando foi perguntado sobre Paulinho, e afirmou: “Cada dia de jogo é uma nova oportunidade de se oferecer. Compreendo as perguntas, mas não vou entrar em detalhes. São coisas que vemos nos treinos diário.”

O atacante chegou no Bayer em 2018 e tem contrato até junho do ano que vem, mas já deixou claro em entrevistas que não quer continuar no time, e que teve chances de sair na última janela de transferências, mas que o clube decidiu mantê-lo. Em janeiro, o brasileiro poderá assinar com outro time sem custos.

 

Foto destaque: Paulinho em campo pelo Bayer Leverkusen. Reprodução/Instagram