Notícias

Pernambuco: 980 pessoas precisaram deixar suas casas devido às chuvas

27 Mai 2022 - 14h52 | Atulizado em 27 Mai 2022 - 14h52
Pernambuco: 980 pessoas precisaram deixar suas casas devido às chuvas

Nesta quinta-feira (26/05), subiu para 980 o número de pessoas que precisaram deixar suas casas devido às fortes chuvas que atingiram o Grande Recife e a Zona da Mata. Segundo o balanço divulgado pela Secretaria de Defesa Civil de Pernambuco (Codecipe), 695 pessoas ficaram desabrigadas e outras 285 ficaram desalojadas.

Em Recife, 581 pessoas tiveram que sair de casa. Passam pela mesma situação 226 moradores de Olinda, 68 de Igarassu, 18 do Cabo de Santo Agostinho e dois de Camaragibe. Pessoas que vivem em São José da Coroa Grande (70), Xexéu (12) e Palmares (3), na Zona da Mata, também tiveram que deixar o local onde moram.

A previsão da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) indica redução de chuvas em todo estado para sexta-feira (27/05), mas aponta que elas devem se intensificar no sábado (28/05) e no domingo (29/05) no Grande Recife e na Zona da Mata.

A orientação da Defesa Civil do Recife é de que moradores de locais de risco procurem abrigos seguros e acionem o órgão pelo telefone 0800.081.3400. A ligação é gratuita e o plantão é permanente.

A Codecipe mantém plantão 24 horas por dia e pode ser acionada pelos telefones 199 e (81) 3181.2490.


Caminhão passando por rua alagada Reprodução/G1


Quatro mortes, uma pessoa desaparecida

Quatro pessoas morreram no Grande Recife por causa das inundações e dos deslizamentos provocados pelas chuvas e um homem está desaparecido.

O primeiro óbito ocorreu na quarta (25), no Córrego do Abacate, em Olinda, onde foi achado o corpo de José Cláudio da Silva, de 62 anos, que morreu soterrado em um deslizamento de terra.

Nesta quinta (26/05), o Corpo de Bombeiros encontrou os corpos de um casal que estava desaparecido no Córrego do Abacaxi, em Olinda. A Codecipe confirmou que as vítimas foram Sérgio Pimentel dos Santos, de 53 anos, e Rosimery Oliveira da Silva, de 47 anos.

Ainda no dia 26, foi encontrado o corpo do ex-jogador de futebol Aureogildo Antônio de Vasconcelos Júnior, que desapareceu após tentar atravessar uma via alagada pelas chuvas, em Olinda. 

Um homem de 41 anos foi levado pela água das chuvas e desapareceu ao tentar ajudar um cavalo na quarta-feira (25/05) em uma área alagada no bairro de Conjunto Muribeca, no município de Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife.

 

Foto de destaque: rua alagada devido às fortes chuvas Reprodução/UOL