Money

Por aquisição no Twitter Elon Musk está US$ 29 bilhões menos rico

30 Abr 2022 - 12h50 | Atulizado em 30 Abr 2022 - 12h50
Por aquisição no Twitter Elon Musk está US$ 29 bilhões menos rico

Após a aprovação da oferta feita para o conselho do Twitter por Elon Musk para compra da empresa de rede social no valor de US$ 44 bilhões, os acionistas da Tesla estão mostrando uma preocupação. As ações da montadora de veículos elétricos caíram esta semana, no dia 26 de abril caiu quase 12%, diminuindo quase US$ 130 bilhões (R$ 645,5 bilhões) do capital de mercado da Tesla. São US$ 29 bilhões (R$ 144 bilhões) da grande fortuna de Musk, isso em menos de um dia.

Elon Musk, ainda é de longe a pessoa mais rica do mundo, tendo uma fortuna atualmente que vale cerca de US$ 239,2 bilhões (R$ 1,18 trilhão), maior que o número 2, Jeff Bezos, em cerca de US$ 74 bilhões, de acordo com a revista Forbes. Porém, até o fim das negociações na segunda-feira (25), era avaliado em US$ 268 bilhões (R$ 1,33 trilhão), o que significa que ele perdeu bastante dinheiro em menos de 24 horas.

Após a aprovação da oferta feita para o conselho do Twitter por Elon Musk para compra da empresa de rede social no valor de US$ 44 bilhões, os acionistas da Tesla estão mostrando uma preocupação. As ações da montadora de veículos elétricos caíram esta semana, no dia 26 de abril caiu quase 12%, diminuindo quase US$ 130 bilhões (R$ 645,5 bilhões) do capital de mercado da Tesla. São US$ 29 bilhões (R$ 144 bilhões) da grande fortuna de Musk, isso em menos de um dia.

Elon Musk, ainda é de longe a pessoa mais rica do mundo, tendo uma fortuna atualmente que vale cerca de US$ 239,2 bilhões (R$ 1,18 trilhão), maior que o número 2, Jeff Bezos, em cerca de US$ 74 bilhões, de acordo com a revista Forbes. Porém, até o fim das negociações na segunda-feira (25), era avaliado em US$ 268 bilhões (R$ 1,33 trilhão), o que significa que ele perdeu bastante dinheiro em menos de 24 horas.


O bilionário Elon Musk comprou a rede social Twitter por US$ 44 bilhões (Foto:reprodução/Tecnoblog)


E o que motivou isso é simples

Em sua participação na Tesla está a maior parte da fortuna de Musk, cerca de 21% e os acionistas parecem não aprovar esta distração nova do bilionário.

Quando houve uma proposta pela primeira vez para a compra da plataforma Twitter em 14 de abril, os analistas citaram alguns temores dos investidores de que Musk, possa ter que prometer ações da Tesla como garantia para empréstimos para realização de compra do Twitter. Uma razão para a queda de 3% da fabricante elétricos da Nasdaq naquele dia.

E alguns dos medos dos acionistas se concretizaram mesmo. Pois, Musk, como parte do pacote de financiamento, revelou que prometerá US$ 62,5 bilhões (R$ 310 bilhões) em ações da Tesla como garantia para um empréstimo de margem de US$ 12,5 bilhões. Mas antes mesmo da aquisição do Twitter, ele já havia prometido um pouco mais da metade da participação na Tesla de 21% para outros empréstimos.

As ações do Twitter caíram quase 4% dia 26, após um salto de mais de 5% no dia 25, quando surgiram as notícias da aquisição de Musk.

 

 

Foto destaque: reprodução/Crypto Rand Group