Tech

QuintoAndar adquire a Velo, terceira empresa esse ano

09 Dez 2021 - 18h50 | Atulizado em 09 Dez 2021 - 18h50
QuintoAndar adquire a Velo, terceira empresa esse ano

O QuintoAndar, uma startup focada no aluguel e venda de imóveis, recentemente anunciou que adquiriu a Velo, empresa focada em facilitar a locação de imóveis substituindo a necessidade de um fiador e diminuindo a burocracia. O objetivo por trás da compra é facilitar ainda mais a compra dos imóveis, provendo soluções novas além das já disponibilizadas pela empresa. 

Essa foi a última de uma série de compras que a companhia tem realizado. Em março de 2021, anunciou a incorporação da Casa Mineira, uma empresa independente de venda e aluguel de imóveis fundada em 1983 em Belo Horizonte. Em setembro de 2021, anunciou a aquisição da Atta, empresa de crédito imobiliário fundada em 2014.


Divulgação do Hub anunciado em Lisboa (Foto: Divulgação / QuintoAndar)


“Quando olhamos para os altos níveis de satisfação dos clientes da Velo, ficamos impressionados como eles estão resolvendo a dor de seus clientes”, diz Gabriel Braga, cofundador e CEO do QuintoAndar. 

No comunicado da startup sobre a compra é dito que o principal motivo da compra foi “qualidade da sua solução e a capacidade de execução de seu time” e, segundo o mesmo comunicado, a Velo continuará sendo comandada por seus co-fundadores e não haverá interrupções nem mudanças nos serviços prestados e nem nos times trabalhando nos serviços.

“A complementaridade da nossa experiência vivenciando o dia-a-dia das imobiliárias parceiras vai permitir fazer o que sempre imaginamos em uma escala muito maior: simplificar e facilitar os processos e transações para todos os elos da cadeia de moradia”, disse Anderson Felício, cofundador e CEO da Velo.

A startup, fundada pelos brasileiros André Penha e Gabriel Braga em 2013, hoje, vale mais de US$ 5 bilhões por conta de seus constantes investimentos em melhorias. Em novembro foi anunciado o plano de abrir um Centro Tecnológico em Lisboa que começará a funcionar por volta de março de 2022. Inicialmente o Centro Tecnológico irá abrigar cerca de 50 profissionais.

 

https://inmagazine.ig.com.br/post/Intel-pretende-vender-acoes-dos-veiculos-autonomos-da-subsidiaria-Mobileye-pela-primeira-vez

https://inmagazine.ig.com.br/post/NFT-de-iate-e-vendido-pelo-equivalente-a-R-36-milhoes-em-Ether-para-ser-usado-no-metaverso

https://inmagazine.ig.com.br/post/PicPay-e-incorporada-a-Endeavor-para-desenvolver-novas-tecnologias

“Temos dois eixos importantes, o primeiro é nossa expansão internacional que passa pela abertura de uma operação no México em 2022. O segundo é ter instalado em um local estratégico como Portugal um centro estruturado que nos ajude a atrair talentos da tecnologia. E ele vai funcionar independentemente de uma estratégia de expansão internacional. Nosso objetivo com esse hub é oferecer um produto de alto nível global e para isso precisamos de talento neste mesmo patamar” disse Gabriel Braga, cofundador e CEO do QuintoAndar, durante o anúncio.

Foto destaque: Pixabay / VisionPics

Mais Lidas