Notícias

Rússia anuncia que vai interromper o fornecimento de gás natural para a Finlândia

20 Mai 2022 - 23h00 | Atulizado em 20 Mai 2022 - 23h00
Rússia anuncia que vai interromper o fornecimento de gás natural para a Finlândia

A Finlândia que confirmou nesta semana a candidatura a membro da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e com isso a Rússia decide interromper o fornecimento de gás natural para o país.

A estatal finlandesa, Gasum, disse, por meio de um comunicado oficial, que foi informada pela russa Gazprom de que o abastecimento será bloqueado as 7h (no horário local) deste sábado (21), mas que garantiram que os clientes não serão afetados.


Gasprom empresa da indústria enérgica da Rússia (Foto:reprodução/G1)


"Nós nos preparamos com cuidado para essa situação e seremos capazes de fornecer gás a todos os nossos clientes nos próximos meses", afirmou o CEO da Gasum, Mika Wiljanen, definindo a retaliação da Rússia como "deplorável".

A reserva que a companhia finlandesa ainda tem, de acordo com eles próprios, poderá manter pelos próximos meses o abastecimento de gás aos consumidores finais.

"Nós já estávamos nos preparando para esta situação e não haverá interrupção na transmissão de gás aos consumidores, por isso seremos capazes de continuar fornecendo gás pelos próximos meses", completou o comunicado.

Após as inúmeras sanções econômicas que foram impostas pelos países europeus e pelos EUA pela invasão da Ucrânia, os russos começaram a exigir em rublos, que é a moeda local, o pagamento pelos insumos exportados pelo país.

Moscou começou a cortar o fornecimento de gás de países com a Eslováquia diante da negativa de grande maioria dos países. Nesta semana, foi anunciado que o país fará o pagamento em rublos.

 

 

Foto destaque: Finlândia confirmou a candidatura para a Otan está semana (reprodução/Terra)