Moda

Semana de Alta-Costura em Paris foi marcada por muito luxo e futurismo

11 Jul 2022 - 21h06 | Atulizado em 11 Jul 2022 - 21h06
Semana de Alta-Costura em Paris foi marcada por muito luxo e futurismo

Iniciou-se mais uma temporada de alta-costura, que contou com desfiles esplêndidos realizados em Paris, na França, entre os dias 4 e 8 de julho. Neste evento, desfilaram apenas marcas que passaram pelo Fédération de la Haute Couture. Dentre as grifes presentes, marcaram presenças nome como Chanel, Balenciaga, Iris Van Happen, entre outros. 

Acostumada em trazer a moda futurista para as passarelas, novamente não seria diferente. A desginer holandesa, Iris Van Happen, trouxe a tecnologia através das roupas, mostrando como é possível moldar a forma de se vestir. Desde o ano de 2009 a estilista coloca impressão 3D em suas coleções.  

Na última terça-feira (5), a conceituada grife Chanel levou sua coleção à passarela. As peças foram assinadas pela diretora criativa Virginie Viard, que apostou em peças para uma “mulher real” que sempre precisa de peças bonitas e muito funcionais para usar no dia a dia. 

A Balenciaga retornou para os desfiles da alta-costura em 2021, após ficar 53 anos fora do evento. A coleção foi a segunda assinada pela estilista Demna Gvasalia. O marco dos looks da marca foram peças compostas por máscaras faciais reflexivas, neoprene e um casting cheio de celebridades foram os auges da apresentação. 

Contando com uma apresentação completamente fora do esperado, a Maison Margiela, comandada por John Galliano, realizou um fashion film. Uma junção entre a moda, teatro e arte, foi lançado o curta Cinema Inferno. Tendo sua narrativa inspirada em psicodrama americano, o curta contou uma história de amor e morte. As peças foram confeccionadas por tons pastéis, tendo vestidos feitos com mangas bufantes, que foram feitos com tule.

 

 Segundo a Fédération de La Haute Couture, só podem fazer parte dos desfiles as marcas que produzem em Paris e de maneira artesanal, com peças sob medida; que gerem ao menos 20 empregos no ateliê setorizado; que desenvolvem mais de 25 looks apenas para o evento. 

O cronograma foi encerrado na última sexta-feira (8), onde contou com desfiles das labels Aelis, Yuma Nakazato, Julie de Libran, Imane Ayissi, Fendi Couture, Juana Martín e Adeline André.  

Os desfiles da alta-costura é um evento recheado de novidades, muita elegância e criatividade. Todos os anos a capital francesa para tudo em prol disso. Estilistas e grifes renomadas contemplam ainda mais um dos espetáculos mais incríveis da moda! 

 

Foto destaque: Desfile de Iris Van Happe. Reprodução/Metrópoles