Esportes

Sergio Pérez vence em Baku e encurta distância para Max Verstappen

01 Mai 2023 - 19h17 | Atulizado em 01 Mai 2023 - 19h17
Sergio Pérez vence em Baku e encurta distância para Max Verstappen

O mexicano Sergio Pérez entrou para a história do Gp do Azerbaijão, após vencer a corrida no domingo (30/04) o piloto da Red Bull se tornou o primeiro a triunfar duas vezes no Circuito de Baku, desde a estreia da pista em 2016. Sergio Pérez aproveitou um incidente para assumir a liderança e terminar à frente de seu companheiro Max Verstappen. Pole position, Charles Leclerc chegou em terceiro, conquistando o primeiro pódio da Ferrari em 2023.


Sergio Pérez comemorando com a sua equipe o triunfo em Baku (Foto-Reprodução/Getty Images)


Agora após quatro corridas a diferença entre Verstappen, líder no campeonato e Pérez, vice-líder, foi de 13 para oito pontos. Esta foi a vitória de número 6 na carreira do piloto mexicano da RBR, sendo sua sua quinta em circuitos de rua; sendo além de Baku, Mônaco, Singapura e na Arábia Saudita.

A CORRIDA 

Na largada o monegasco Leclerc manteve a ponta à frente de Verstappen e Pérez, após uma boa e firme largada; as seis primeiras posições foram mantidas. Abaixo, Stroll, da Aston Martin, ganhou duas posições e foi de nono para sétimo e Russell, da Mercedes, entrou na zona de pontuação após largar em 11º e alcançar o nono lugar. Quem mais perdeu posições após a largada foi Bottas, da Alfa Romeo, que caiu de 13º para 18º.

Já na terceira volta, o holandês Verstappen conseguiu ficar a baixo de meio segundo e na curva 4 conseguiu a ultrapassagem para cima de Leclerc, que em seguida já ficou na mira de Pérez que conseguiu também a ultrapassagem.


Ultrapassagem de Verstappen sobre Leclerc (Reprodução/Twitter)


Já na volta 11, Nyck de Vries, da Alpha Tauri, passou reto e bateu na barreira de proteção da curva seis, logo após o incidente a RBR mandou o até então líder da prova Verstappen para os boxes ainda na transição da bandeira verde para o safety car; o holandês retornou à pista em sétimo, logo atrás de George Russell, no momento em que o carro de segurança surgiu.


Nyck de Vries se chocando com a barreira de proteção (Reprodução/Twitter)


Quem se deu bem com isso foram os pilotos Pérez, Leclerc, Sainz, Alonso, Stroll e Russell que fizeram suas trocas durante o safety car; a onde as paradas simultâneas geraram um movimento anormal no pit lane; e Russell e Stroll chegaram até ficar lado a lado, após suas respectivas trocas de pneu e Leclerc saiu de sua troca de pneus muito próximo de Pérez.

Na relargada Leclerc foi um alvo fácil de Verstappen, que ultrapassou o monegasco, porém o holandês ficou atrás do colega de equipe. No mesmo instante, o espanhol Alonso ultrapassou o compatriota Sainz e assumiu o quarto lugar da prova, ao qual  manteve até o fim da corrida.

Na volta 20 Lewis Hamilton aproveitou-se de dois erros de Stroll que quase levaram o canadense ao muro, para ultrapassá-lo e assumir a sexta posição. O próximo alvo do inglês seria Sainz, porém Hamilton não conseguiu alcançá-lo até o fim da prova.

Já seu companheiro de equipe George Russel que  estava na 8ª posição, vinha na perseguição de Stroll, porém o inglês não teve êxito e não conseguiu a ultrapassagem sobre o canadense, porém o britânico foi convocado ao pit lane na penúltima volta, para trocar os pneus e em seguida conseguiu sair com a volta mais rápida da corrida.


Ultrapassagem de Hamilton sobre Stroll (Reprodução/Twitter)


De fim as RBR de Pérez e Vertappen, respectivamente, dominaram a corrida e o mexicano conseguiu segurar a pressão que seu companheiro fazia e conquistou sua segunda vitória no ano e com um final de semana dos sonhos com a vitória na sprint race no sábado e a vitória no domingo, conseguiu encurtar a diferença de pontos e segue sonhando com o título, já seu companheiro Verstappen não que não conseguiu a vitória, saiu na brinca com a equipe devido a sua parada que lhe custou a vitória.

E por fim Leclerc que conseguiu seu primeiro pódio no ano, por mais que tenha feito a pole, mas que não tenha conseguido a vitória, o piloto monegasco da Ferrari saiu bastante satisfeito com seu carro e com o desempenho da equipe.

Agora a Fórmula 1 retorna já no próximo domingo, 7 de maio, com o GP de Miami, com a quinta etapa da temporada 2023. Um

 

Foto destaque o mexicano Sergio Pérez (Foto-Reprodução/Getty Images)