Esportes

Sob o comando de Tite, seleção brasileira tem recorde de jogadores convocados que atuam no país

01 Set 2021 - 12h00 | Atulizado em 01 Set 2021 - 12h00
Sob o comando de Tite, seleção brasileira tem recorde de jogadores convocados que atuam no país

 

A convocação da seleção brasileira para a rodada tripla das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 teve um recorde de jogadores convocados que atuam em território brasileiro, ao todo, dez atletas foram chamados para os jogos contra Chile, Argentina e Peru.

Inicialmente, cinco jogadores que atuam no Brasil foram convocados pelo técnico Tite, mas com problemas de liberação da liga inglesa de futebol para esta data Fifa, outros cinco atletas completaram a lista. Confira:

Weverton (Palmeiras), Guilherme Arana (Atlético-MG), Daniel Alves (São Paulo), Everton Ribeiro e Gabigol (Flamengo) já estavam na primeira listagem. Santos (Athletico), Everson (Atlético-MG), Miranda (São Paulo), Edenilson (Internacional) e Hulk (Atlético-MG) completam o elenco para a rodada das Eliminatórias.

Tite já realizou outras 24 convocações, e com a exceção do amistoso para a arrecadação de fundos para as vítimas do trágico acidente com o avião da Chapecoense, realizado em 2017, contra a Colômbia, e que jogadores do exterior não puderam ser chamados, nenhuma outra convocação teve tantos representantes de clubes nacionais.

O Brasil inicia a rodada na próxima quinta-feira (2), às 22h, contra o Chile, em Santiago. Depois, enfrenta a Argentina no domingo (5), na Neo Química Arena, em São Paulo, e na quinta que vem, contra o Peru, na Arena Pernambuco.


textoApós seis rodadas, a seleção brasileira lidera as Eliminatórias com 100% de aproveitamento. (Foto:Reprodução/Diego Vara)


https://inmagazine.com.br/post/CBF-troca-de-presidente-mas-Rogerio-Caboclo-pode-recorrer-da-decisao

https://inmagazine.com.br/post/Saiba-quem-sao-os-tenistas-mais-bem-pagos-de-2021

https://inmagazine.com.br/post/Leticia-Bufoni-faz-tour-radical-em-visita-a-sede-da-McLaren-em-Woking

Era Tite: ranking de clubes nacionais que mais cederam jogadores para a Seleção

Flamengo (11): Diego Ribas, Muralha, Jorge, Hugo Souza, Willian Arão, Lucas Paquetá, Pedro, Bruno Henrique, Gabigol, Rodrigo Caio e Everton Ribeiro.

Grêmio (8): Luan, Marcelo Grohe, Phelipe, Geromel, Walace, Arthur, Everton e Matheus Henrique.

Atlético-MG (7): Robinho, Rafael Carioca, Fábio Santos, Marcos Rocha, Guilherme Arana, Everson e Hulk.

Palmeiras (5): Dudu, Gabriel Jesus, Vitor Hugo, Weverton e Gabriel Menino.

Corinthians (3): Cássio, Fágner e Rodriguinho.

São Paulo (3): Rodrigo Caio, Daniel Alves e Miranda.

Santos (3): Gabigol, Jorge e Lucas Lima.

Cruzeiro (3): Dedé, Henrique e Gabriel Brazão.

Internacional (3): Danilo Fernandes, Thiago Galhardo e Edenilson.

Athletico (2): Weverton e Santos.

Botafogo (2): Marcinho e Camilo.

Fluminense (2): Pedro e Gustavo Scarpa.

Vasco da Gama (1): Luan.

Ponte Preta (1): Ivan.

Sport (1): Diego Souza.

Bragantino (1): Léo Ortiz.

 

Os dados foram levantados pelo portal GE e pelo estatístico inglês Denis Wood.

 

(Foto Destaque:Lucas Figueiredo/CBF)

Mais Lidas