Tech

TikTok vs Reels: descubra qual é o melhor para investir e melhorar o alcance

20 Ago 2021 - 10h51 | Atulizado em 20 Ago 2021 - 10h51
TikTok vs Reels: descubra qual é o melhor para investir e melhorar o alcance

O conteúdo rápido de vídeos de até 1 minuto se tornou a grande febre da internet durante os últimos anos, com a popularidade do Tik Tok se estendendo ao ponto de se tornar o aplicativo mais baixado no mundo. Para não ficar atrás, o Instagram investiu no Reels, recurso da rede social que veio para disputar a atenção dos usuários com o aplicativo chinês. Mas com a alta popularidade de ambas, qual das duas ferramentas é a melhor para investir em conteúdos?

Em teoria, as duas plataformas possuem a mesma função, podendo criar vídeos curtos e criativos usando áudios e efeitos, com a finalidade de gerar maior engajamento no período de consumo de informação rápida. O Tik Tok permite ao usuário criar vídeos de até 1 minuto, passando por testes e liberando até 3 minutos para alguns usuários, enquanto o Reels disponibiliza para cada vídeo o tempo máximo de 30 segundos. 

https://lorena.r7.com/post/Michel-Keaton-revela-o-motivo-que-o-levou-a-aceitar-a-viver-o-Batman-novamente

https://lorena.r7.com/post/Lojas-Renner-e-alvo-de-ataque-de-Hackers

https://lorena.r7.com/post/Conheca-os-principais-papeis-da-carreira-de-Amy-Adams-a-aniversariante-do-dia

Quando se trata de alcance e engajamento, as vantagens do Tik Tok são maiores que em outros aplicativos. Com um algoritmo muito mais assertivo, os usuários afirmam ser impactados com assuntos de maior interesse de suas preferências, como também maior facilidade de alcance de público na plataforma.

Mas, para isso ocorrer, é necessário a produção e edição de vídeos na própria ferramenta. – o que também vale para o Reels. Postar vídeos com marca d’água do aplicativo concorrente faz com que o algoritmo não priorize o conteúdo, causando menor alcance.


TikTok vs Reels: descubra qual é o melhor para investir e melhorar o alcance (Foto: Reprodução/Pexel)



Seleção de músicas, filtros e manipulação da velocidade de gravação são ferramentas disponibilizadas aos usuários em ambas as plataformas. Em relação às músicas, para contas comerciais, as duas possuem uma biblioteca onde podem ser utilizadas canções livres de direitos autorais. Ainda assim, nesse quesito, o Tik Tok apresenta maiores possibilidades, já que as contas comerciais podem utilizar remix de músicas criadas por outros usuários, linkando sempre com o autor do áudio.

E qual rede social a marca deve priorizar? É necessário mapear e entender o perfil de seu público-alvo. O Tik Tok é uma plataforma que atrai uma faixa etária mais jovem, da geração Z, importante para quem tem o negócio voltado para esse público. Já as pessoas da geração X, acostumadas com o Instagram, utilizam mais a ferramenta do Reels para se entreter com os vídeos.

Em ambos é importante sempre ousar nas temáticas e abusar da criatividade. São itens fundamentais para alcançar melhores resultados e aumentar a chance de viralizar entre os usuários das redes. Manter-se dentro das mudanças de dinâmicas dos algoritmos e do público alvo também é o segredo para que as marcas aproveitem todas as oportunidades que as plataformas dão.

Crédito: Gláucio Amaral, Diretor Executivo na Agência Ecco, agência de publicidade com foco em conversão de vendas. É publicitário, designer, além de ser especialista em estratégias 360º para marcas e consumidores focando na conversa de forma criativa e humana.

(Foto destaque:
Jovens gravando vídeo para plataforma. Reprodução/Noah Seelam/Agence France-Presse/Getty Images)