Cinema/TV

Vilão Cara-de-Barro pode estar na série “Pinguim”, na HBO Max

11 Mai 2022 - 10h50 | Atulizado em 11 Mai 2022 - 10h50
Vilão Cara-de-Barro pode estar na série “Pinguim”, na HBO Max

A série “Pinguim” foi anunciada pela HBO Max há dois meses e nessa semana, mais novidades foram reveladas sobre a trama. Segundo o site Comic Book Resources, a plataforma de streaming está em busca de um ator para fazer o clássico vilão Cara-de-Barro, “ator que ficou louco quando soube que não poderia participar de uma peça devido ao seu rosto deformado“.

O vilão apareceu pela primeira vez em junho de 1940, na revista  “Detective Comics”  edição 40. Criado por Bill Finger e Bob Kane, o personagem chamado Basil Karlo é cheio de nuances. Certo dia, após fazer um teste como ator em Hollywood, bate com o carro e fica com o rosto deformado. Com medo de perder sua carreira, ele recorre a ajuda de uma substância química chamada Renu, que pode remodelar seu rosto. Porém, quando o estoque de Renu acaba, ele invade o local que produz e Batman o confronta, fazendo com que Basil salte para dentro de um tanque de produtos tóxicos, deformando sua aparência para sempre. A partir desse momento ele começa a se tornar um dos vilões mais perigosos de Batman. 


Cena do vilão Cara-de-Barro em confronto com o herói Batman


O diretor Matt Reeves, que dirigiu o filme “Batman” (2022), também vai dirigir a série. O personagem de Pinguim será interpretado por Colin Farrell, o mesmo ator que fez o personagem no filme. “Colin explodiu fora da tela como o Pinguim em ‘The Batman’, e ter a oportunidade de explorar em profundidade a vida daquele personagem na HBO Max é uma emoção absoluta”, disse Matt Reeves.“O mundo que Matt Reeves criou para ‘The Batman’ merece um olhar mais profundo por meio da visão de Oswald Cobblepot. Eu não poderia estar mais animado em continuar esta exploração de Oz à medida que ele se torna O Pinguim. Será bom tê-lo de volta às ruas de Gotham para um pouco de loucura e caos”, conta Colin Farrell, em comunicado à imprensa.

 

 

Foto Destaque: Divulgação/DC