INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Saúde e Bem Estar

Brasil passa de 1,8 milhão de casos de dengue em três meses e ultrapassa recorde anterior

A estimativa do Ministério da Saúde é que o número de casos chegue a 4,2 milhões

mosquito da dengue
Casos de dengue batem recorde histórico em 2024 (reprodução/ João Paulo Burini/Getty Images Embed)

O Brasil ultrapassou o número de 1,8 milhão de casos de dengue em todo o país. O número de contaminados e suspeitos da doença foi divulgado pelo Painel de Arboviroses do Ministério da Saúde nesta segunda-feira (18) e é o maior de todos os tempos.

Maior taxa registrada

O número registrado este ano é o maior visto desde 2015, com 1.688.688 possíveis casos de dengue. Em 2023, as taxas da doença foram altas também, caracterizando o terceiro ano recorde, com 1.658.816 casos.

Em comparação com o ano passado, nesse mesmo período, o Brasil contabilizou 400.197 pessoas com dengue. Em menos de três meses, em 2024, o país teve 561 mortes da doença, sendo que 1.020 casos estão sendo analisados. Em relação aos números de óbitos de 2023, o registrado foi 257 mortes entre a primeira semana do ano até metade de março.


Embed from Getty Images

Ponto de atendimento de casos de dengue no Hospital Municipal Raphael de Paula Souza, no Rio de Janeiro (foto: reprodução/ Mauro Pimentel/AFP/Getty Images Embed)


Em fevereiro, a secretária de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Ethel Maciel, informou que a estimativa de casos de dengue do Ministério da Saúde  para 2024 era de 4,2 milhões. 

Como prevenir a dengue

A principal estratégia para combater a doença é eliminar os prováveis focos de reprodução do mosquito Aedes aegypti. Esse trabalho de prevenção, para ser eficaz, precisa vir de uma colaboração entre o governo, a comunidade  e os profissionais de saúde, e, não só de políticas do Estado.

Vasos e pratos de plantas, recipientes de degelo em geladeiras, bebedouros, materiais de construção em depósitos, garrafas retornáveis são lugares mais comuns para encontrar criadouros do mosquito da dengue. De acordo com o Ministério da Saúde, aproximadamente 75% dos focos da doença são encontrados nas casas dos brasileiros. Esses locais, quando estão com água parada, permitem a proliferação do mosquito que transmite a dengue.

O infectologista Kleber Luz disse ao G1 que a dengue atinge pessoas saudáveis e de qualquer faixa etária. O médico orienta que, caso a pessoa demonstre sintomas (febre, dores musculares, fortes dores de cabeça, náusea, vômito, dor atrás dos olhos e manchas vermelhas pelo corpo), deve-se procurar um hospital o mais rápido possível. Segundo Kleber, a infecção pode evoluir rápido e gerar óbito no terceiro ou quarto dia.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 2 =

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...

Reality

A final de A Fazenda 15 vai acontecer na quinta-feira (21). Quatro integrantes estão na disputa pelo prêmio de um milhão e meio de...