INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Saúde e Bem Estar

Nutricionista explica porque a maçã pode causar fome e oferece soluções

Muitos já experimentaram o desejo de comer logo após consumir uma maçã. Esse fenômeno pode ser explicado pelo fato de que, apesar de ser uma opção saudável e prática, a maçã pertence à categoria dos carboidratos simples, que não oferecem saciedade prolongada. A nutricionista Mirelli Andrade compartilhou informações cruciais para entender esse processo e dicas para evitar a sensação de fome após consumir a fruta. Confira no vídeo abaixo:


Vídeo da nutricionista Mirelli explicando a razão de sentirmos fome após comer maçã. (Vídeo: Reprodução/YouTube /Energié Nutrição)


Os carboidratos simples presentes na maçã são transformados rapidamente em açúcar após a ingestão, resultando em um aumento rápido nos níveis de glicose no sangue. No entanto, essa elevação é seguida por uma queda abrupta, levando o cérebro a interpretar erroneamente essa diminuição como fome. A nutricionista Priscilla Primi explicou: “Essa queda na glicose envia um sinal de fome ao corpo, pois os açúcares não estão mais circulando e o organismo precisa deles”.

Para combater essa sensação de fome após comer uma maçã, Primi sugere consumi-la junto com uma fonte de proteína. Isso pode incluir opções como iogurte, leite ou incorporá-la em uma vitamina, proporcionando uma refeição mais balanceada e evitando flutuações bruscas nos níveis de glicose no sangue.

Benefícios da maçã

Apesar desse efeito do açúcar no sangue, a maçã continua sendo uma escolha nutricionalmente rica, com baixo teor calórico e abundância de vitaminas A, B e C, minerais e fibras. De acordo com um guia do departamento de Nutrição da Universidade de São Paulo (USP), seu consumo regular está associado à redução do risco de câncer de pulmão e cólon, bem como à diminuição da probabilidade de desenvolver diabetes e problemas hepáticos, graças aos seus compostos antioxidantes e propriedades anti-inflamatórias.

Saiba como identificar se uma maçã está boa para o consumo

Para identificar uma maçã pronta para consumo, é aconselhável escolher aquelas que se apresentam firmes, com casca brilhante e sem sinais de amassados ou danos mecânicos. Maçãs que apresentam uma textura farinhenta podem ter sofrido perda excessiva de água devido à condições inadequadas de armazenamento ou transporte.

Foto Destaque: Maçã. (Reprodução /João Alecrim/Flickr)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...