INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Saúde e Bem Estar

Suplemento do Gengibre pode frear avanço de doença autoimune

Suplemento do Gengibre pode frear avanço de doença autoimune

Uma nova pesquisa realizada na Escola de Medicina da Universidade do Colocado, nos Estados Unidos, apresenta os benefícios do suplemento de gengibre para a saúde, visando o tratamento de doenças inflamatórias e do controle nos quadros agudos como lúpus, doença celíaca e fibromialgia. 

Grandes expectativas

Novo estudo pioneiro mostra indícios do mecanismo biológico que estão ocultos às propriedades anti-inflamatórias do alimento, e que podem melhorar a vida das pessoas portadoras das doenças responsáveis pelo mau funcionamento do sistema imunológico, isso faz com que o corpo entre em ataque com os seus próprios tecidos (autoimune).

A análise foi recém-publicada na revista científica JCI Insight, e de acordo com a matéria, o gengibre é de suma importância no controle da formação das “armadilhas extracelulares de neutrófilos” (NET ou NETose), que são as estruturas compostas de DNA e proteínas.

Teias microscópicas

Os NETs são redes extracelulares que se assemelham a teias de aranha. Essas estruturas são a sede das reações do ser humano aos estímulos recebidos, e que impulsionam a inflamação e a coagulação, portanto, contribuírem para o desenvolvimento de doenças autoimunes: lúpus, vitiligo, artrite reumatoide, diabetes do tipo 1, esclerose múltipla, doença de Graves, hepatite autoimune, doença de Chron, tireoide de Hashimoto, doença celíaca, anemia perniciosa, entre outras

A coautora sênior Kristen Demoruelle, professora associada da medicina na Escola de Medicina da Universidade do Colocado, em nota afirmou que com a investigação, descobriram que o gengibre pode ajudar a controlar a NETose, e que considera relevante por ser um complemento natural, podendo auxiliar na terapia contra inflamações e nos sintomas em indivíduos com variadas doenças autoimunes.


Suplemento do Gengibre pode frear avanço de doença autoimune

Suplemento de gengibre (Foto: reprodução/Freepik)


Respostas otimistas

Os cientistas chegaram ao consenso sobre a utilidade do gengibre, após um ensaio clínico realizado com voluntários sadios. No período de sete dias, os integrantes ingeriram um suplemento de gengibre (20 mg de gingerois ao dia).

A resposta do experimento revelou que o composto conseguiu elevar uma substância química (AMPc) dentro do neutrófilo. O efeito resultou na inibição da NETose, diminuindo o impulso que ocasiona a inflamação e a coagulação (causadores da doença autoimune).

 

 

Foto Destaque – Benefícios do gengibre – Reprodução/Pixabay

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...