INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Saúde e Bem Estar

Bruxismo pode prejudicar a qualidade de vida na primeira infância

Bruxismo é o ato, involuntariamente, de ranger, bater ou apertar os dentes durante o sono. De acordo com a odontopediatra Junia Serra Negra, professora do Departamento de Saúde da Criança da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), esse comportamento pode ser iniciado aos seis meses de idade, quando ocorre a erupção dos incisivos centrais (dentes) superiores e inferiores, podendo ou não parar com o tempo. Nos bebês as consequências dessa ação são diversas, assim como nos adultos.

De acordo com o Ministério da Saúde, os efeitos podem ser dores de cabeça e nos músculos da face, além do desgaste dos dentes e do que é comumente chamado de esmalte, que são a proteção necessária contra a sensibilidade e carie e doenças na gengiva. O acompanhamento com um dentista desde o nascimento dos primeiros dentes é muito importante, pois o profissional pode rapidamente reconhecer o problema e auxiliar no tratamento adequado.


Criança sorrindo. (Foto:Reprodução/Sonho Astral)


Ainda segundo o Ministério da Saúde, as causas do bruxismo não foram completamente esclarecidas. Algumas causas são fatores hereditários e genéticos, mas alguns estudos também sugerem outros fatores como refluxo gastroesofágico, estresse, ansiedade, características pessoais como babar no travesseiro e roncar, dificuldade de concentração e doenças respiratórias.

Além de todas circunstâncias já mencionadas, nas condições das crianças ainda podemos adicionar o ato de respirar pela boca e infecções das vias aéreas superiores como causas desse dano ao corpo causado durante o sono.

O Ministério da Saúde garante que não é possível afirmar que exista de fato um tratamento e cura para o bruxismo, porém, existe a possibilidade de controle de seus acontecimentos e danos. Após a consulta com um profissional da saúde e identificação do problema através de exames, a criança pode necessitar de um acompanhamento multidisciplinar. De acordo com a odontopediatra Junia, pode ser necessário que a criança faça acompanhamento com fonoaudiólogos, fisioterapeutas, psicólogos, otorrinolaringologistas e pediatras.

Foto Destaque: Criança dormindo.Reprodução/BlogLeiturinha

 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...