INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Saúde e Bem Estar

Procura por cirurgias de incontinência urinária cai na pandemia

Foi registrada a queda na busca por cirurgias de correção para incontinência urinária na pandemia e idosos acima de 40 anos são os que mais sofrem com a doença. Segundo dados fornecidos pela Sociedade Brasileira de Urologia ao portal G1, comparado a pouco antes da pandemia, a redução atual na procura foi de 61%. Uma diferença de mais de 6.700 internações em 2019 para pouco mais de 2.600 em 2021. Tanto em regiões com IDH’s baixos e altos os números são abaixo dos países desenvolvidos.  

Os escapes causados pela incontinência urinária geram constrangimentos para pessoas mais velhas e a necessidade de tratamento ainda é enfrentada como um tabu. Afetando em maior parte a população idosa e feminina, os escapes de urina têm como algumas de suas causas a diminuição da força muscular pélvica, problemas de saúde e maior lentidão do corpo em responder às necessidades fisiológicas.

Segundo o portal do Hospital Oswaldo Cruz, as maiores causas estão entre efeito colateral de medicamentos, lesões na coluna, cirurgias, problemas intestinais, pélvis enfraquecido. Inclusive, de acordo com o portal da urologia, outras condições podem influenciar como o tabagismo, doenças neurológicas, a obesidade e diabetes.

Ainda de acordo com o Hospital Oswaldo Cruz, nas mulheres, a menopausa, gestação, parto e anatomia do órgão feminino até propiciam mais a incidência de incontinência do que nos homens. Cerca de 45% das mulheres acima de 40 anos desenvolvem incontinência em relação a 15% dos homens. Mas, para eles, a atenção às causas podem ser as mesmas e o formato da próstata também pode influenciar na aparição da doença. O que compromete a qualidade de vida e a socialização da população mais velha.

Apesar de pouco popular, há tratamentos para a doença que são simples com uso de medicação, controle sobre as quantidades de líquido a serem ingeridos e os horários e fisioterapia. Já a cirurgia para correção possui intervenção mínima através da colocação de Sling, uma fita feita de polipropeno inserida abaixo da uretra de maneira a ajudar na resistência da região e conter a urina. Há um procedimento semelhante para os homens através da implantação do esfíncter artificial.

Foto Destaque: Reprodução Jcomp/Freepik

 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...