INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Saúde e Bem Estar

Transplante Capilar: Paulo Miorali esclarece 6 mitos e verdades sobre o assunto

Transplante capilar é alternativa para homens que querem reverter a calvície. Saiba se o procedimento é doloroso ou se deixa cicatrizes.

Mais cedo ou mais tarde, a calvície vai se tornar um problema na vida do homem. O processo da perda de cabelo é progressivo, e pode durar anos. Por isso, muitos recorrem a soluções desesperadas para reverter essa situação, como raspar o cabelo ou usar máscaras com ingredientes naturais. No entanto, os resultados nem sempre são satisfatórios. Nesse contexto, o transplante capilar surge como uma ótima alternativa, mesmo que ele esteja cercado por algumas dúvidas e informações desencontradas. 

Será que tudo o que você já ouviu sobre transplante capilar é verdade? O procedimento deixa cicatriz ou causa dor? O Dr°. Paulo Miorali, formado pela Faculdade de Medicina de Petrópolis, com 20 anos de carreira, especializado em dermatologia e transplante capilar esclarece mitos e verdades sobre o transplante capilar.


 Foto do Paulo Miorali (Divulgação)


Confira: 

• O transplante capilar é doloroso? Mito. Ao contrário do que muitos afirmam, o transplante na técnica FUE ( follicular unit extraction ) é um procedimento praticamente indolor, pois é feito sob sedação com anestesia local. 

• É possível atingir um resultado totalmente natural e imperceptível com transplante capilar? Verdade. Por meio das atuais técnicas de transplante folicular, o paciente atinge um resultado imperceptível e indetectável. Uma vez realizada por um cirurgião que tenha habilidade técnica e um senso artístico apurado, o transplante terá um aspecto totalmente natural.

• É possível transplantar cabelos de outras pessoas? Mito. O transplante capilar só pode ser realizado do indivíduo para o próprio indivíduo.

• O procedimento deixa cicatriz linear na região da nuca? Mito. Com o avanço da tecnologia aplicada na área da medicina, hoje em dia a cirurgia feita com uma incisão tradicional está obsoleta. Por outro lado, por meio da avançada técnica FUE (Follicular Unit Extraction, ou Extração de Unidades Foliculares), as unidades são retiradas fio a fio e o paciente não apresenta mais a cicatriz do transplante capilar como antigamente.

• Os pacientes com cabelos crespos podem utilizar a técnica FUE? Verdade. Pacientes com todos os tipos de cabelos podem efetuar a técnica FUE, inclusive pessoas com fios crespos. Mas, é claro, os resultados dependerão da habilidade do profissional que realizará a cirurgia.

• O cabelo transplantado irá cair após alguns anos? Mito. O cabelo transplantado leva a genética da área doadora, que é uma área permanente e por isso não sofre a ação do hormônio DHT. Ele é capaz de promover uma série de consequências como atrofia e queda dos fios. Portanto, os fios transplantados serão permanentes.

 

Foto destaque: Divulgação

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

16 − nove =

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...

Reality

A final de A Fazenda 15 vai acontecer na quinta-feira (21). Quatro integrantes estão na disputa pelo prêmio de um milhão e meio de...