INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Tech

Filhos de ministro escocês gastam 65 mil vendo partidas de futebol

Filhos de ministro escocês gastam 65 mil vendo partidas de futebol

Na quinta-feira passada (16), o Ministro da Saúde escocês Michael Matheson admitiu que seus filhos utilizaram o seu iPad para assistirema  partidas de futebol durante as férias, de modo a contabilizarem uma altíssima tarifa de 11 mil libras (ou 65 mil reais) com o uso de dados. Tal valor chegou a ser pago parcialmente pelo parlamento, com dinheiro público arrecadado por impostos – o que gerou certa controvérsia.

O uso de dados ocorreu em Marrocos, na passagem de ano de 2022 a 2023. É um dado importante para entender como o valor cobrado chegou a tal patamar: o serviço de roaming.

Em resumo, o roaming se trata de um serviço e taxa adicionais que ocorrem quando se utilizam os dados e serviços móveis (internet, ligações, mensagens) fora da área de cobertura registrada – e por estar em Marrocos, a taxa foi estratosférica.

No fim, a tarifa cobrada chegou a ser maior do que todos os gastos relacionados a celulares de funcionários públicos na Escócia por todo o ano de 2022, que apenas somou 9,507 mil libras.


Contabilização final dos gastos das férias do ministro.

Contabilização final dos gastos das férias do ministro (Foto: Reprodução/Parlamento Escocês/BBC)


Os erros do Ministro

A situação passa a ser polêmica com os detalhes adicionais que foram se somando ao longo do ano, e enfim revelados agora em novembro.

Além dos gastos já em muito criticados como irresponsáveis (sendo acumulados pelos filhos, e ainda por cima admitidos como resultantes de partidas de futebol) e facilmente evitáveis (apenas necessitando do uso da wi-fi local de Marrocos), há também, em primeiro lugar, a questão de que Matheson insistiu que teria sido um gasto para trabalho, e logo utilizou o dinheiro público para pagá-lo em março.

Em segundo lugar, embora o ministro tenha posteriormente admitido pagar pelos gastos quando a história ressurgiu agora em novembro (10), passou a ser criticado por esconder a verdade por trás da tarifa, embora tenha afirmado no pronunciamento de quinta (16) que o fez para proteger seus filhos.

Comentários

Não, não acredito que Michael tenha feito isso,” disse o primeiro-ministro da Escócia, Humza Yousaf, no domingo (19), em defesa do Ministro da Saúde. “Ele estava tentando proteger seus filhos. Para mim, Michael — que conheço há mais de 15 anos — é um homem íntegro e honesto.

Eles não podem e não vão defender este Ministro da Saúde, que já deveria ter renunciado, e Humza Yousaf deveria tê-lo demitido,” afirmou Douglas Ross, líder do Partido Conservador na Escócia. “O homem responsável pelo NHS (o serviço público de saúde) na Escócia não se apresenta para o escrutínio.”

Tenho toda a simpatia por pais com filhos adolescentes, eu também tenho dois filhos adolescentes,” disse Anas Sarwar, do Partido Trabalhista. “Não se trata de dados, não se trata de sua família — trata-se de ele enganar o público. É por isso que acho que ele deveria renunciar.

O Partido Nacional da Escócia, ao qual o ministro Matheson pertence, ainda não respondeu a inquéritos sobre o caso.

Foto Destaque: Ministro da Saúde escocês, Michael Matheson Reprodução/PA Media/BBC

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...