INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Tech

Ford anuncia recall de 634 mil SUVs por problemas em injetores de combustível

A fabricante multinacional de veículos Ford anunciou na última quinta-feira (24) que está fazendo o recall global de 634 mil veículos utilitários esportivos (SUVs) dos modelos Bronco Sport e Escape. O motivo da chamada para inspeção destes carros é o risco de fogo causado por rachaduras nos injetores de combustível.

Os carros e modelos envolvidos são dos anos modelo de 2020 a 2023, com motores de 3 cilindros e capacidade cúbica de 1,5 litros. São cerca de 520 mil veículos com este problema nos Estados Unidos e, em outros países, cerca de 114 mil.

Segundo a Ford, muitos destes veículos estiveram em um recall abril, quando analisaram a possibilidade de o separador de óleo rachar e causar vazamento e risco de fogo no motor. Quando funcionam, o injetor de combustível com rachadura pode causar o acúmulo de combustível ou vapor de combustível em superfícies quentes. Consequentemente, isto pode causar um incêndio sob o capô do carro.


Comparativo entre os veículos Ford Bronco Sport e Escape nos modelos 2021 (Reprodução/YouTube)


A montadora estadunidense também reforçou medidas de segurança para evitar novos problemas com os automóveis envolvidos no recall: “Se for detectada uma queda de pressão de combustível, a potência do motor será automaticamente reduzida para minimizar qualquer risco, além de permitir que os clientes dirijam até um local seguro, parem o veículo e providenciem o serviço”.

Já a Administração Nacional de Segurança do Tráfego Rodoviário dos Estados Unidos reforçou que os veículos reparados no recall anterior também devem passar pela nova chamada.

As empresas revendedoras atualizarão o software dos veículos envolvidos no recall assim que os reparos estiverem disponíveis. Portanto, elas conseguirão detectar as possíveis rachaduras no injetor de combustível e emitir a mensagem para o motorista no painel. A substituição da peça por parte delas acontecerá caso necessário, e haverá também a instalação de um tubo de drenagem de combustível no cabeçote, deixando longe de superfícies quentes. Além disso, haverá o aumento da das garantias para cobrir estes injetores por até 15 anos.

A montadora, porém, não substituirá os injetores na fábrica por conta da taxa de vazamentos baixa: a estimativa dos modelos de 2020 é de 0,38%, enquanto os modelos 2021 e 2022 têm 0,22%.

Até o momento, a Ford recebeu 54 relatos de fogo, quatro deles envolvendo rachaduras nos injetores de combustível. Outros 13 têm suspeita de vazamento no mesmo compartimento.

 

 

Foto Destaque: modelos de veículos da Ford envolvidos no recall. À esquerda, o Ford Bronco Sport; à direita, o Ford Escape. Reprodução/AutoGuide

 

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...