INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Tech

“Já chegou o disco Voador”: Saiba 5 revelações sobre óvnis da Nasa

Nasa criou um painel em 2022 para explicar seu trabalho sobre o que chama de “Fenômenos anômalos não identificados”.

Os avistamentos “que não podem ser identificados como aeronaves ou fenômenos naturais desconhecidos por alguma ciência” são chamados de óvnis.

O painel que irá publicar um relatório ainda esse ano, realizou sua primeira assembleia nesta quarta-feira (31).

Abaixo deixaremos alguns pontos revelados pelos cientistas:


Imagem Captada do Painel da Nasa (Reprodução/G1)


Muitos avistamentos podem ser explicados

Sean Kirklpatick, diretor do Escritório de Resolução de Anomalias (AARRO) da Nasa, afirma que existem cerca de 50 a 100 novos relatórios por mês.

E possivelmente os que são classificados como óvnis representam uma porcentagem de 2% até 5% no banco de dados total.

Foi mostrado um vídeo gravado por uma aeronave durante a audiência do último dia 31, e no vídeo foi possível ver uma série de pontos se movendo no escuro céu no oeste dos EUA.

Não foi possível interceptar o objeto.

Mas existem outros ainda mais misteriosos.

Em 2021, em um relatório apontado pelo Pentágono, foi apontado que de 144 avistamentos pilotos militares realizados em 2004, todos com exceção de um foram explicados.

 

Privacidade limita investigações da Nasa

 O diretor da AARRO explicou que as preocupações com a privacidade limitam as investigações da Nasa.

Disse que eles podem apontar o maior aparato de coleta de informações de todo o mundo, caso queiram.

 

Microondas e ilusões de ótica.

Dados relacionados a óvnis geralmente são difíceis de interpretar e podem ser distorcidos de uma maneira fácil.

O presidente da equipe da Nasa, que investiga os óvnis, David Spergel, mencionou uma explosão de ondas de rádio captadas por pesquisadores na Australia.

“Eles tinham uma estrutura muito estranha. As pessoas não conseguiam entender o que estava acontecendo. Então começaram a notar muitos deles amontoados na hora do almoço”. Disse.

 

Estigma e assédio dificultam a pesquisa.

Spergel disse que muitos dos pilotos relutam para falar sobre os avistamentos, por conta do estigma que gira em torno dos discos voadores.

Disse que um dos objetivos é remover esse estigma, porque existe uma necessidade de dados de alta qualidade para abordar as questões dos objetos que não podem ser identificados.

Disse que o assédio leva a uma maior estigmatização, e isso dificulta todo o processo científico, e desencoraja a quem possa estudar sobre esse assunto.

 

Nova era da transparência.

A reunião de quinta-feira foi notável, e uma das razões foi a mudança de abordagem da Nasa. Eles haviam passado décadas desmascarando óvnis.

No final eles responderam muitas perguntas, e uma delas era “O que a Nasa está escondendo?”

A pergunta foi respondida por Dan Evans que disse que a agência esta comprometida com a transparência. “É por isso que hoje estamos aqui ao vivo na TV”, disse.

 

 

Foto Destaque: Logo da Nasa (Reprodução/ RNZ)

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 1 =

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...

Reality

A final de A Fazenda 15 vai acontecer na quinta-feira (21). Quatro integrantes estão na disputa pelo prêmio de um milhão e meio de...