INMAG | Todos os direitos reservados.

Hi, what are you looking for?

Turismo

Réveillon 2023: Saiba como será a festa da virada na praia de Copacabana

Em uma coletiva foi divulgado na manhã desta segunda-feira (26), pela prefeitura da cidade do Rio Janeiro o esquema de operação para a festa da virada do ano em Copacabana e em mais nove bairros da capital.

Além do famoso réveillon na praia este ano, ele também será comemorado em mais nove pontos da cidade: Barra da Tijuca, Sepitiba, Guaratiba, Penha, Ramos, Paquetá, Ilha do Governador, Madureira e Flamengo.

A atividade de celebração de final de ano na capital contará com um forte esquema de apoio de órgãos municipais dentre eles a Secretaria Municipal da Ordem Pública (Seop), que vai atuar em oito bases de apoio, uma fixa e as demais serão distribuídas com motos e carros de apoio que realizarão um patrulhamento ostensivo do Leme até o Forte de Copacabana. Onde um pouco mais de 1500 agentes urbanos de transito estarão de plantão a partir da 7hs da manhã do dia 31.


Foto:  Queima de fogos na orla da praia de Copacabana (Reprodução/ GETTY IMAGENS)


Polícia Militar em pontos estratégicos equipados com drones, torres de observação ao longo da praia com canhões de luz e 16 pontos de revistas. Serão usados detectores de metais para coibir a entrada de pessoas portando objetos cortantes (como facas ou canivetes) ou armas de fogo.

O corpo de bombeiros preparou um reforço de 500 bombeiros que estarão de plantão extra. Um helicóptero que vai monitorar toda a orla desde Copacabana ate Guaratiba. Foram mobilizados 225 guarda-vidas para orientar a população a beira da praia.

O objetivo é dificultar a ação de bandidos na orla e monitorar quatro quilômetros ao longo da faixa de areia, entre a Avenida Princesa Isabel, no Leme até o Forte de Copacabana. Dando mais agilidade em casos de flagrantes e coerção de delitos, com o foco na promoção de segurança.

O evento que promete ser um dos mais seguros este ano, ainda contará com quatro postos médicos, para casos de urgência e 30 ambulâncias para atendimentos em caso de remoções e um total de 144 profissionais de saúde.

Serviço de assistência social com dez pontos de atendimento para crianças e adolescentes. E um posto de acolhimento para mulheres vítimas de alguma violência durante a festividade e contará com atendimento psicológico e orientação jurídica.

As mudanças no trânsito começam já na sexta-feira (30), com a interdição de algumas ruas nas proximidades dos eventos a partir das 6hs da manhã e com ampliação às 18hs, quando não será mais possível nem estacionar em todas as vias dos bairros, com exceção apenas para moradores credenciados.

Após dois anos sem a festividade devido à pandemia de covid-19, o evento promete reunir um pouco mais de 1,5 milhões de pessoas. O espetáculo terá trilha sonora ditando a sequência da queima de fogos, acionados para evitar um pouco mais do barulho este ano. Sendo o maior réveillon de todos os tempos.

 

Foto destaque: Montagem do palco para o réveillon na praia de  Copacabana. REPRODUÇÃO/Agencia O globo/Gabriel de Paiva

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais lidas

Empreender na Prática

Não há contradição entre frescor, relaxamento e bem-estar. Na rotina de self-care, os body splashes se tornaram protagonistas quando assunto é refrescar o corpo...

Saúde e Bem Estar

A Massagem Nuru é uma prática terapêutica que tem origem no Japão e se tornou cada vez mais popular em diversos países, incluindo o...

Celebridades

O cantor foi fotografado ao lado da esposa Bianca Censori. Ele estava mascarado e ela nua, sob uma capa de chuva transparente.

Magazine

Quem conhece Nicole Bahls, sabe que ela é babado, confusão e alegria, por onde passa deixa seu rastro de carisma e felicidade. Nicole é...